Quando ela me encanta.

Se ela me encanta, ela canta pelos cantos da sala se fazendo de santa.
Feito criança, feito uma boba me deixando pensar sem nem poder reclamar;
Mas é que se ela me encanta, me atenta, me espanta. Fico feito uma planta
Esperando o Sol que não me alcança!

Ela é louca! Louca de tudo. Doente de pedra…

Aí fico assim!

Encantado, desconcertado e arrasado.

Esfarelado.

Despedaçado.

Disfarçado!!!

Eu fico encantado.

 

****

Post de numero 500!!!!!! Eita que esse blog tá durando!

Anúncios

Dor de barriga – Uma lição de vida!

Uma dor de barriga é uma lição de vida!

Uma bela de uma cagada pode te ensinar coisas das quais você nem tem ideia!

Imagine você dentro de um transporte público quando, de repente, bate aquela dor de barriga!
A dor te corrói de tal forma que você acha que é inevitável aguentar  E aquilo está dentro de você, você precisa expelir antes que faça uma baita de uma sujeira em suas calças.

Aí você desce no ponto próximo à sua casa e corre feito maluco… É insuportável a situação!

Mas você consegue!
Vai até o banheiro, senta na latrina eeee…. O alívio vem!

A expurgada te deixa leve, livre, de bem com a vida!

Isso é uma enorme lição de vida!
Não sacou ainda?

Então eu explico!

Veja!

Você tem um problema…

Imagine que as fezes são o problema.
A dor de barriga é aquele incomodo no peito que um grande problema causa…  Aquela dor no coração.
O trajeto do ônibus é o tempo que você demora pra resolver o que te faz mal.
A calça é sua vida… Aquela que corre o risco de ficar borrada, imunda!

Entendeu a lição agora que uma dor de barriga pode lhe dar?

Depois de tudo você olha pro vaso sanitário e pensa:

“Já me livrei de você, estou bem… Agora você não é mais problema meu!”

Moral da história: Defeque seus problemas… É bem melhor do que segurá-los até o limite.

Wendy e Paulo.

(Ao som de “Sete Cidades”)

 

Café Aurora: Dois mil e alguns anos atrás!

– Wendy, acho que aquele português está afim de você!

Wendy avermelhou-se

– Ele não para de te olhar! Ele está afim de você! – disse eu embriagado.

A Wendy nada disse!

Ao olhar para o lado, vi o Paulo (o português em questão) Me olhando!
Em menos de duas semanas surgiu um dos mais “apimentados” e bonitos casais, com um empurrão da Jéssica, que encorajou o Paulo a buscar a Wendy no mercado escravagista em que ela trabalhava… Nasceu então um dos casais mais belos.

Ela, dia 30 de janeiro, ele; 1 de fevereiro.

E foi tão simples… Eles aprenderam a amar e o mundo foi deles como raros casais foram capazes de entender como as coisas devem ser feitas.
Aniversários tão próximos, né? E isso enche o saco!

Ao mesmo tempo que não… Assim mando um beijo pra ambos numa tacada só!

Os amigos perfeitos.
Os queridos, os fofos da patota!

… Amo vocês dois de uma forma absurda! Só tenho que dizer que amo vocês! Sei lá! É difícil explicar o quanto amo vocês!

Fica apenas um feliz aniversário escrevendo isso de olhos marejados!

Eu amo vocês!

Que muitos anos isso se repita!

De todo o coração, ao fim de a “Sete cidades”, Deixo a frase:

“Quando vocês não estão aqui, meu espírito se perde… Voa longe!”

E queria, com toda sinceridade do mundo, deixar uma frase de “ Se fiquei esperando Meu Amor Passar!”

“Cordeiro de Deus que tirai os pecados do mundo, tende piedade de nós, cordeiro de Deus que tirai os pecados do mundo dai-nos a paz”!

Feliz aniversário!

Amo vocês!