Copo de leite.


Acendo o cigarro. Não há muito o que fazer madrugada à dentro. Tem leite na geladeira, Seria bom tomar um gole.

As vozes tentam arrumar uma solução pro meu caso… O caso de não haver caso algum.

Olhos os retratos, os quadros que me pintaram. Aquela flor de mais de dez anos atrás que murchou e se esfacelou na gaveta entre minhas camisetas. É o passar do tempo que nos molda dessa forma.

Ando preocupado. Ressabiado demais com essa gente.

Há gente ignorante por todos os lados pintando a maldade que eu nunca fiz. Plantando palavras que eu nunca disse… Tô com saudade de todas aquelas pessoas que eu ainda não pude conhecer. Queria deixar um abraço pra todas elas.

Continuo fingindo tudo aquilo que eu não sou, nem nunca serei. Já é tarde demais. Os anos pesam em minha coluna como uma criança brincando de cavalinho comigo. Mas e onde será que estarão todas essas crianças daqui um tempo?

Estava tudo divertido um ou dois anos atrás, assim como daqui um tempo esse exato momento me parecerá simpático.

Será que é isso então?

Os anos passam transformando a vida em algo cada vez mais cinza? Deixando o passado em tons de cores completamente saturados? Seria isso então?

Me dá esse copo de leite. Essa alegria que estou sentindo logo mais vai se transformar em tristeza… E como sou um homem completamente prático, adianto o momento pra já…

Dá esse copo de leite aqui.

Anúncios

1 Comentário

  1. Bebendo leite fica tudo cinza mesmo…Vamo encher essa geladeira de cerveja e mandar a tristeza pra lá!!!! 🙂

    PS: rs o comentário é de brincadeira mesmo…

    literariamente, até o que é cinza é belo…


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s