Ferida.


Ah.

Se faço tudo isso é pra te encantar da forma errada, pra azucrinar e te iludir.
Beiro o desespero de ter as mãos atadas. Chuto e me debato. Só eu mesmo.

Mas é que se faço tudo isso, preciso de compreensão, e é difícil encontrar alguém que me entenda, e quando encontro, não compreendo a pessoa.

Na ferida se coloca algodão. Gruda tudo. Faz uma sujeira danada quando o sangue seca, mas é sempre tão mais gostoso. Água Oxigenada é bom! Mata os germes, só que dói pra burro.

Meu erro é andar munido de algodão quando os outros me banham dos produtos mais ardentes que se encontra por aí.

Mas é bom. Arde pra cacete! Mas sara.

Quero ver-te se livrar dos fiapos de algodão.

Demora… Só que não dói, né?

Demora e esquece. Não se lembra mais.

E apesar de mais curado, sempre vou tremer ao ver aquele potinho de Oxigenada.

Quer mesmo saber?

Passa o Band-Aid.

Anúncios

1 Comentário

  1. eu ainda prefiro o Merthiolate…na verdade, na minha época era o Mercúrio que deixava vermelho e também ardia pra caralho, mas secava.

    Água oxigenada mata os germes mas também dilata.

    Sempre ficava anciosa pra tirar a casquinha…. =)


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s