Direito de fazer merda.


 Relaxante fim de semana… Tudo já começou na (fantástica) madrugada de quinta para sexta! Depois foi puro descanso, reflexão… Muitas coisas pra pensar e lugar nenhum pra chegar.

  Vindo pra cá eu pensei em escrever muitas coisas, mas me fugiu tudo já… Até porque estou aqui no meu serviço sentindo o cheiro de vinho vindo do meu caderno dentro da mochila… Meu caderno meio que tomou um banho de vinho na madrugada de quinta-feira… E eu também.

  Sei lá… Pensei principalmente no meu direito de poder fazer merda… Acho que às vezes me irrito com tudo o que as pessoas pensam de mim e como devo agir em determinada situação! Aí quando eu faço merda, todos ficam chocados. Quem me conhece sabe que eu sou a pessoa mais errada do mundo! Eu aviso no Blog… Quantos posts eu já coloquei aqui que eu não prestava?! Têm vários. Sempre avisei isso. Mas daí, quando faço algo do qual as pessoas não esperam, ficam assustadinhos!

  Em outras vezes eu até tenho razão quando xingo, piso e mostro o pouco orgulho que tenho… Não sou orgulhoso, mas quando pego pra ser, se eu tenho razão, maltrato mesmo… Aí as pessoas dizem: “Não sabia que você era assim” ou “agora sim você está mostrando quem você é de verdade”. Foda-se! Tenho o direito de ter meu orgulho. Tenho o meu direito de achar que o que faço é certo e, acima de tudo, tenho o direito de fazer merda! Todos têm!

  Ontem fomos até a Lotares comemorar o aniversário do Davison, meu grande e inigualável amigo! Caramba. Foi foda! Foi super legal ver pessoas que fazia mais de um ano que eu não topava… Fazia muito tempo que eu não via todo o pessoal junto. Todo mundo bebendo cerveja (que não foi pouca) e rindo demasiadamente. Apareceu gente que eu nem sabia que existia… Apareceu pessoas que eu preferia não ver também, mas foi tudo divertido, desde fazer piada até ficar falando mal da vida alheia! Tudo bem divertido… No fim das contas fui pra casa sem quase não me agüentar de pé… Sem quase não agüentar minha consciência, sem quase agüentar a saudade que não me abandonou… Ou saudade da saudade… Não sei direito.

  Por coincidência, há alguns dias postei uma foto de uma antiga banda aqui no Blog, e todos estavam lá! No meio de uma conversa rápida e incisiva, rolou um “Vamos voltar?”, depois um “beleza!”. E o Velas começa a ensaiar despretensiosamente em janeiro. Vamos ver no que dá.

  Ficaram combinados também os meus planos literários para dezembro. Não sei se comentei aqui, mas estou me reunindo com um pessoalzinho pra montar um livro de contos, como eu sempre quis fazer; mas este será feito de forma inusitada! Darei detalhes quando estiver feito! Este fim de ano está ficando cada vez mais bacana! O pessoal dando aparências de estar se reunindo novamente, os planos dando certo… Deve ser o clima natalino… Só pode.

   Bom início de semana para todos!

   Ósculos e amplexos.

Anúncios

1 Comentário

  1. Sonhadores procuram esperar o melhor de seus queridos…


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s