“… E eu, uma pedra”.


8:20 AM

 Sérgio: Estou quase voltando pra casa… Passando mal, não estou bem. Não estou um pingo afim

Danilo: Calma cara… vai lá sim!

Sérgio: Ah… Não estou sentindo coisa boa… Mó desânimo.

Danilo: Que nada. Quando o dia começa uma merda, acontece coisas boas depois!!!

 Resultado: O otimismo do Danilo evitou que eu me privasse da merda deste dia de hoje… Abri os olhos pra ver tudo dando errado hoje… E pior que ainda é apenas onze da manhã… Tudo errado… Vontade de ir embora… Enfiar a cara no travesseiro e chorar até dormir… É meu inferno astral, sei que é! Puta vontade de chutar tudo pra cima, pegar a grana e viajar pra longe. Ficar o resto da vida para fora de mim…

  HAHAHAHAHAHAHA Eu amo meus dramas!!!!

 

Que vontade de chorar!!!!

2 comentários em ““… E eu, uma pedra”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s