Novo banner.


 Como podem ver, eu alterei a imagem aí em cima… É que aqueles duendezinhos já estavam me dando no saco e, fora, que me sinto uma nova pessoa no dia de hoje.
 Ontem, enquanto fiquei imóvel na frente do computador esperando dar a hora de dormir, fritei a cabeça pensando em assuntos sérios, então a metamorfose começou. Essas coisas de submissão, aceitação, contrariação… COisas do genero. Não pega mais legal. Tem uma hora que tudo fica muito chato e infantil… Então, pelo menos até agora às 13hr e 34min. sinto como se tivesse dormido uma pessoa e acordado outra… Ainda bem que os sonhos existem para evitar os exageros da dose…

 Pela manhã, como de costume, peguei o metrô lotado. Um ármário ao meu lado parecia querer desabar sobre mim. Jogava o corpo com tudo. Ao ver que iria ceder, olhei para o meu lado, mas logo engoli seco o grito de “MADEIRAAA…
 Uma pobre senhora estava ao meu lado; não podia deixar aquele monstro continuar me empurrando, podia machucar a idosa, tão frágil, tão… tão… Sei lá. Petrifiquei meu corpo ao ponto do homem empurrar e ele mesmo ir para trás.
– Não precisa empurrar! – Disse ele.
– Não estou empurrando.
– Parece trouxa, nunca pegou metrô?
– Peguei sim, só que tem uma senhora aqui do meu lado e eu não vou machucá-la.
– Dane-se! Isso aqui é sempre assim, moleque idiota! Eu não vou te segurar!
 Enraiveci.
– Não estou pedindo para me segurar, pois eu é quem está te segurando para não machucar a senhora aqui ao lado.
 Fez cara de tacho, balbuciou algum tipo de reclamação e abriu espaço para que eu pudesse sair na Sé… Mas e meu mado daquele jumento me dar um tapão? Que ódio matinal me deu… Quem me conhece, sabe que não sou dos mais carinhosos pela manhã, e eu só não exponho minhas palavras em pensamento, porque posso ser preso… de verdadde… Então vamos manter isso como “sensurado”.
 No fim não sei, viu… Tenho vontade de esganar o cara… Mas aquela senhora… tão frágil… vivida e desgastada… O QUE TINHA QUE FAZER NA MERDA DO METRÔ AQUELA HORA SABENDO COMO SÃO AS COISAS PELA MANHÃ, PÔ! QUASE TOMEI UM MURRO DO CARA!

 Agora vou postar uma letrinha de uma música que cai feito uma luvinha 100% algodão… Daquelas que a vovó lava com o amaciante Fofo.

Refrão de Bolero
Engenheiros do Hawaii

Eu que falei: Nem pensar
Agora eu me arrependo
Roendo as unhas
Frágeis testemunhas
De um crime sem perdão…

Mas eu falei
nem pensar
Coração na mão
Como o refrão de bolero
Eu fui sincero
Como não se pode ser…

E um erro assim, tão vulgar
Nos persegue a noite inteira
E quando acaba a bebedeira
Ele consegue nos achar…
Num bar!

Com um vinho barato
Um cigarro no cinzeiro
E uma cara embriagada
No espelho do banheiro…

Teus lábios são labirintos
Que atraem os meus
Instintos mais sacanas
o teu olhar sempre distante
sempre me engana
Eu entro sempre na tua dança de cigana ….

Eu que falei
Nem pensar
Agora me arrependo
Roendo as unhas
Frágeis testemunhas de um crime sem perdão

Mas eu falei sem pensar
Coração na mão
Como o refãro de um bolero
Eu fui sincero como não se pode ser

Teus lábios são labirintos
Que atraem os meus
Instintos mais sacanas
o teu olhar sempre me engana
É o fim do mundo todo dia da semana.

Anúncios

2 Comentários

  1. até que enfim tirou aqueles duendezinhos ‘pederastas’ que parecia que um tava fazendo ‘bilu-bilu tetéia’ no outro…
    huahauahuahau

  2. já era pra ter dito antes, mas as vezes tenho mania de ficar calada…kkk
    enfim…adorei o novo visu do blog…
    gosto de ficar olhando essa ‘estrada’ e pensar onde ela pode me levar…
    ela me leva até vc…
    me faz te ‘ver’ e te ‘ter’ todos os dias…
    e eu quero percorrer essa estrada pq ela me faz bem…

    P.S.: Da próxima vez me chama q te ajudo a bater no armário,rsrss…ou a fujir dele… 😛
    e tadinha da vovó, ela devia tá indo ao médico e não tinha como ir outra hora…mas q dá raiva, dá…ainda mais qdo eu resolvo sentar naquelas cadeirinhas cinza e chega uma delas prá me tirar de lá…arghhhhhhhhhhhhhhh…será q elas não entendem q eu tô cansada? afinal eu ainda não me aposentei…rsss

    baboseiras a parte…
    bem vindo a vida real…pessoa nova…ou NOVA pessoa…acho q aqui a ordem do trator altera tdo o viaduto 😛
    rsrss
    kiss my dear*


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s