For MJ.


 Como não basta querer todos os dias, quero todos instantes. Numa sede de amargar o céu da boca enquanto penso em tudo o que passou e o que poderá vir.

 Reclama de minha falta de romantismo, mas nem se quer consegue decifrar o que existe no brilho dos olhos meus ao te encarar.

 Sinto-me como criança em seus braços quando me acolhe e me repousa em sua calma; sinto-me mais forte quando lhe tenho em meus braços… É como se eu pudesse protegê-la do pior dos homens que pode existir nesta Terra.

 Perco o chão quando fico sem você e pairo no espaço perdido e desventurado numa vida que só tem sentido quando você está por perto. Não. Não é uma maluca obsessão isso que me cega, mas sim a mais elegante, arrogante, calma e desesperada manifestação que o amor poderia provar de si mesmo.

 O que seria de nós sem um de nós dois?

 Eu sinceramente não gosto nem mesmo de pensar nesta hipótese, meu “amorzão”.

3 comentários em “For MJ.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s