Burro.


 A anta aqui lhe quer de volta… É dificil raciocinar sobre isso?
 A besta aqui lhe tem saudade… É estranho vir de mim tudo isso?
 O burro aqui pode deitar ao seu lado e finalmente entrar em harmonia com teus sonhos… Mas não me dê atenção… sei perfeitamente como você se sente… Bem melhor assim, bem melhor como está… Mais aliviada, mais serena… Mais protegida… Sei como se sente, mas também sei como fica estranha toda vez que me aproximo… Mas quer saber… Não quero saber de mais nada disso… Os tempos são outros e eu estou virando as costas para meu passado… Conquistarei uma menina que conheci faz pouco tempo, embora ela me pareça tão familiar!

 

So sorry  –  “Feist”

I’m sorry, two words
I always think after you’re gone
When I realize I was acting all wrong
So selfish, two words that could describe
Old actions of mine when patience is in short supply

We don’t need to say goodbye
We don’t need to fight and cry
Oh we, we could hold each other tight
Tonight

We’re so helpless
We’re slaves to our own forces
We’re afraid of our emotions
No one, knows where the shore is
We’re divided by the ocean
And the only thing I know is
The answer it isn’t for us
No the answer isn’t for us

I’m sorry, two words
I always think after, oh you’re gone
When I realize I was acting all wrong

We don’t need to say goodbye
We don’t need to fight and cry
No we, we could, we could hold each other tight
Tonight…
Tonight…
Tonight…
Tonight…

Um comentário em “Burro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s